• Maringa.com no Facebook
  • Maringa.com no Twitter
  • Maringa.com no Google+

Campanhas pró e contra o tabagismo, colocam o tema com um dos mais discutidos da atualidade

Uma das grandes questões da sociedade norte americana, em relação à saúde pública, que também se espalha pelo mundo na forma de histeria nos últimos anos, é o tabagismo. O tema tabagismo deixa de ser discutido apenas como questão de saúde pública e passa a fazer parte das decisões judiciais .Temos, como exemplo, inúmeras indenizações provenientes desta situação.

A psicóloga Elenice Galacini, especialista em farmacodependência e residente em Maringá, nos esclarece alguns pontos:

Como está a situação dos fumantes no Brasil?
O Brasil sofre a contradição das drogas legalizadas. Maconha é crime, mas cigarros podem ser facilmente comprados no supermercado, e consumido com facilidade. O efeito desta liberalidade é devastador, pois as drogas legais viciam e causam doenças. O uso de tabaco representa um dos mais graves problemas de saúde pública, que compromete não só a saúde da população, como também o meio ambiente e a economia do País.

A dimensão dos problemas causados pela dependência do tabaco é gigantesca. O tabagismo é uma doença causada pela dependência do tabaco ,que pode ser utilizado de diversas maneiras: cigarros, cachimbo, charuto, fumo em corda, rapé,etc. A nicotina é a droga do tabaco que cria dependência, e os processos farmacológicos e de comportamento são similares àqueles que determinam a dependência da heroína e cocaína.

A proporção de fumantes em nosso país é de 23,9%, sendo que as classes de nível sócio-econômico mais baixo fumam mais.Vale ressaltar que:

a) Cerca de 90% dos fumantes ficam dependentes da nicotina entre os 5 e os 19 anos de idade (atualmente temos aproximadamente 2,8 milhões de fumantes nessa faixa etária);
b) A grande concentração de fumantes tem, entre 20 a 49 anos de idade;
c) Os homens fumam em maior proporção que as mulheres;
d) A mulher inicia o uso de tabaco em uma faixa etária menor que a do homem;
e) Fuma-se mais na região Sul, 42% dos habitantes da região, e 31% na região Nordeste;
f) Fuma-se mais na zona rural que na zona urbana;
g) O Brasil é o maior exportador e quarto maior produtor de tabaco no mundo, ficando, pela ordem, atrás da China, E.U.A e Índia.

A fumaça do cigarro é uma mistura de cerca de 4700 substâncias tóxicas diferentes, e está associado a:

a) 30% das mortes por câncer;
b) 90% das mortes por câncer de pulmão;
c) 30% das mortes por doença coronariana;
d) 85% das mortes por doença pulmonar obstrutiva crônica;
e) 25% das mortes por doença cerebrovascular.

Estas doenças e outras ocasionadas pelo consumo de tabaco, matam 3 milhões de pessoas no mundo anualmente, com uma projeção estimada de óbitos em torno de 10 milhões até o ano 2020, das quais 7 milhões ocorrerão nos países em desenvolvimento. Vale dizer que o tabagismo hoje, mata mais que a soma das mortes por AIDS, cocaína, heroína, álcool, suicídios e acidente de trânsito. No Brasil, estima-se que a cada ano o cigarro mata precocemente 80.000 pessoas, ou seja, cerca de 8 brasileiros por hora.

Qual a relação do tabagismo e o sistema econômico do país?
Os impactos sobre a economia do mundo, se refletem em perdas de 200 bilhões de dólares por ano, causadas por diversos fatores como:

a) Sobrecarga do Sistema de Saúde com tratamento das doenças causadas pelo fumo;
b) Mortes precoces de cidadãos em idade produtiva;
c) Maior índice de aposentadoria precoce;
d) Aumento de 33 a 45% no índice de faltas ao trabalho;
e) Menor rendimento no trabalho;
f) Mais gastos com seguros;
g) Mais gastos com limpezas;
h) Maiores perdas com incêndios;
i) Redução da qualidade de vida do fumante e de sua família.

É fácil parar de fumar?
O cigarro é uma droga que causa prazer, estímulo, relaxamento, redução da ansiedade ou estresse e diminuição da fome. A nicotina por ser considerada uma droga estimulante do Sistema Nervoso Central, sua falta no organismo pode gerar: irritabilidade, impaciência, hostilidade, ansiedade, depressão, dificuldade de concentração, insônia, inquietude, aumento do apetite, etc, e são por estes sintomas desagradáveis, considerados como síndrome de abstinência da nicotina, que a pessoa volta a fumar.

O ato de fumar também pode ser mantido por condicionamento, uma vez que o fumante associa o fumar, muitas vezes, com eventos específicos, tais como, fumar depois de uma refeição, após tomar uma xícara de café, antes de iniciar uma tarefa que exija concentração, etc. Também, o gestual e a manipulação dos objetos utilizados durante o ato de fumar, bem como o odor, o paladar, a sensação de ter algo na boca ou sentir a fumaça na garganta.

Existem pesquisas científicas hoje, que comprovam que a compulsão pelo uso do cigarro dura, no máximo, 5 minutos.

Qual o tratamento indicado para combater o tabagismo?
O princípio básico para o tratamento é o desejo em parar de fazer uso do tabaco. O tratamento específico para o fumante é o apoio psicológico que pode ou não vir acompanhado de uma terapia farmacológica, através de um antidepressivo que é a bupropiona, e a reposição de nicotina com o uso de chicletes, adesivos transdérmicos, spray nasal e inalantes. A indicação de exercícios físicos também é adequada. Deve-se ressaltar que parar de fumar em qualquer idade traz ganhos para a saúde da pessoa.

Vale a pena parar de fumar!
A publicidade dirigida principalmente aos jovens, passa a falsa imagem de que fumar está associado ao bom desempenho sexual e esportivo, ao sucesso, à beleza, à independência e à liberdade. As pessoas começam a fumar principalmente influenciadas pela publicidade maciça do cigarro nos meios de comunicação de massa. Pais, professores, ídolos e amigos também exercem uma grande influência. A publicidade direta é feita por anúncios atraentes e bem produzidos, já a indireta é feita através dos ídolos e modelos de comportamento em geral.

Vale a pena nem começar a fumar!

Colaborou: Isabel Nobrega

CONSULTORIA: ELENICE MURTA GALACINI
FONE: 2272476

Voltar

CLASSIFICADOS MARINGÁ.COM



Mudança e transporte C...
Experiência de mais de 10 anos de mercado para lhe oferecer um serviç...
A Combinar


Aluga-se
Alugo casa no Jardim Ecovalley em Sarandi-PR - 1° locação - Fácil...
R$ 820,00


Fretes e descarte de m...
FRETES,MUDANÇAS E TRANSPORTE EM GERAL PARA MARINGÁ E REGIÃO.ÓTIMOS P...
R$ 0,00


Pinturas Imobiliárias
PINTURAS *Massa Corrida, *Pinturas Lisas, *Grafiato e Texturas,...
A Combinar


** UNO SPORTING 2013 1...
VENDO Fiat Uno Sporting 2012 2013 1.4 ,COMPLETO, baixo km, cambio...
R$ 29.900,00


CLASSIFICADOS GRÁTIS